Um sorriso completo


Estou sentado na recepção do sindicato onde trabalho numa manhã nublada e quente quando chega até a mim um senhor gordo, aparentando cansaço e suando muito.
Deu-me um bom dia engasgado e, com uma folha de papel em mãos, perguntou-me onde era o consultório dentário:
-Eu ‘vim’ moço por ordem da moça lá da associação do comércio. É que eu vou ser o Papai Noel este ano e preciso colocar uma dentadura urgente antes do Natal...
A burocracia que envolve muitos segmentos por aí atrapalham e muito mais ainda quando o dentista que iria tratar do caso estava de férias. Questionamos isso sentindo as mãos atadas.
Depois de algumas ligações, a moça da associação pediu pra dar o seguinte recado ao vulgo Papai Noel:
-Peça que ele venha até aqui que vamos dar o endereço de outro dentista pra ele...
Num certo tom de desabafo, Papai Noel então me decreta:
-Amigo, desculpe eu estar te falando isso, mas já é o quarto dentista que me mandam ir e até agora nada de resolver esse ‘pobrema’. Pior é que eu não estou mais conseguindo andar. Minhas pernas estão inchadas e meu ‘dibete tá lá em cima’. Não sei mais o que eu faço...
Tive tanta paciência de escutar Papai Noel que nem deu tempo de pedir-lhe um presente. Coitado.
Dias atrás, andando pelo centro de Guará que já está tomado pelo clima natalino, dei de cara com o Papai Noel na praça fazendo seu serviço. Aproximei-me na intenção de perguntar sobre a nobre dentadura que lhe prometeram e antes disso, diante de uma criança que passava, pude notar atônito o mesmo sorriso defasado que lhe importunava quando nos falamos.
Me apresentei e ele me reconheceu logo de cara e antes que eu perguntasse alguma coisa disparou:
-Você viu meu camarada, o Natal chegou, está aí, e eu continuo ‘banguela’. Ainda bem que o sorriso da criançada completa o meu né. Agora mesmo veio até aqui uma menininha que estava trocando de dentes. Também estava banguelinha. Ela adorou em ver o papai Noel parecido com ela...
E seguiu feliz sua empreita.



É com este clima de compreensão e sabedoria que vou desejando aos meus leitores e amigos um Feliz e Santo Natal e um Ano Novo repleto de realizações, saúde e paz.
Até janeiro, se Deus quiser...

Comentários